25/10/2005

E olha que eu não gosto de poesia...

Mas me apaixonei por esse soneto-que-na-verdade-é-uma-letra-de-música.

Soneto

Eu não acho que tenha amado realmente,
Ainda que tenha gostado bastante de algumas pessoas.
Amor deve ser mais vasto que meu sorrisos ou toque,
Pois homens valentes morreram e impérios se ergueram e caíram
Por amor: garotas seguiram garotos a terras estrangeiras
E homens seguiram mulheres ao inferno.

Em peças e poemas se compreende
É algo que nos torna mais do que sangue e osso
E mais do que necessidades biológicas...
Para mim, o amor é como o vento, invisível, desconhecido.
Eu vejo as árvores se dobrarem por onde ele esteve,
Eu sei que ele deixa destroços por onde sopra,
Eu não sei realmente o que "eu te amo" significa.
Eu acho que significa "Não me deixe aqui sozinho".


Neil Gaiman


A tradução não faz juz. Leia o original. Vai lá...

Um comentário:

  1. Ui Ui Ui!

    Mas o pior que é legal!
    Descobri que eu conheço um cara descendente do William Wallace o.O

    A avó do pai do cara disse pro pai dele: "O Sangue de William Wallace corre em suas veias"

    Ele só foi descobrir quem é o William Wallace quando assistiu o filme ^^

    IMAGINA!

    ResponderExcluir

Comentários são apreciados. Spam é punida com a morte.