04/07/2005

E então ela percebe que é, na verdade, um ser social.

Quando eu me peguei falando (e respondendo) sozinha pela enésima vez no dia é que eu me dei conta que nunca poderia morar realmente sozinha. Eu preciso de pessoas, preciso ter com quem conversar, falar essas coisas malucas que passam na minha cabeça e que eu evito tanto colocar aqui no blog porque, bem, eu sou meio pirada e prefiro escolher a minha audiência para essas coisas (o Moisés que o diga).

A questão é que eu estou enlouquecendo sem as minhas irmãs. Com a Liana em Jaguarão e a Márcia no Mundo Secreto do Cultural do dia inteiro (tem dias que eu não vejo ela, e olha que para chegar no quarto dela ela precisa passa pelo meu) eu estou lentamente me desligando da realidade. Eu sei que isso deve parecer estranho para a maior parte das pessoas, mas não é todo mundo que nasce e cresce em uma casa com cinco pessoas e paredes finas. Eu me acostumei a contar com o fato de que existem pessoas na casa com quem eu posso falar, assim, se quiser.

A parte de pirar entra quando eu me dou conta que quando eu finalmente consigo ter o meu tão implorado Tempo Sozinha, para que eu possa desenhar, escrever e fazer os meus trabalhos, isso acontece porque eu não tenho mais com quem falar. Mas eu não posso viver no Tempo Sozinha, isso é uma coisa perigosa que leva a Pensar Coisas Demais. Resultado: ou eu fico conversando com as minhas gatas (fato que um certo amigo nosso fez questão de divulgar ¬¬) ou eu fico no msn. Parece patético, não? Parece que eu estou sofrendo de solidão profunda, mas é que eu fui meio que desertada por todas as pessoas que "me incomodavam" mais ou menos ao mesmo tempo, e isso me incomodou. Profundamente.

Eu sinto falta de gente.
O que explica porque eu estou falando de algo tão pessoal em um blog (que, horror dos horrores, qualquer um pode ver). Eu só posso ter pirado de vez...

2 comentários:

  1. Sentir-se só é uma das piores situações que eu conheço.
    Apesar de não demonstrar, e isso fez com que eu fosse tachado de extremamente individualista e egoísta pelas pessoas de casa, quando fico muito tempo sozinho sinto falta das pessoas.

    É nessas horas que mais uma vez recorro aos amigos. (: Tudo bem.

    E, sim, eu sou individualista. Gosto do meu espaço, do meu quarto, dos meus livros. E sem interrupções.

    Egoísta, não.

    ResponderExcluir
  2. Moisés7:50 PM

    Ahhh, agora vc entende pq eu passo tanto tempo no MSN!! :P E quem divulgou o fato de que você conversa com gatos???

    ResponderExcluir

Comentários são apreciados. Spam é punida com a morte.